quarta-feira, 21 de abril de 2010

Visita à Mãe de Água de Carnaxide

Hoje foi a visita à Mãe de Água de Carnaxide. 

As crianças subiram a serra, passaram por montes e desceram para baixo da terra... 

Acenderam as lanternas e lá foram túnel acima até à nascente.






















Ainda houve tempo para explorar a natureza circundante e encontrar muitos bichinhos.



Eles adoraram a aventura!








Alguns factos históricos:


"Aqueduto, Mãe de Água e Chafariz

Muito abundante em água subterrânea, era da serra de Carnaxide que vinha um braço de água para o Aqueduto de Caneças contribuindo assim para o abastecimento a Lisboa.
Talvez por essa razão e em jeito de agradecimento D. José I manda construi em 1765 o aqueduto e o chafariz no centro da vila.
Considerado uma das mais importantes obras pombalinas no concelho, abasteceu Carnaxide de água durante muito anos.
Tratando-se de uma construção enterrada apenas são visíveis as clarabóias que iluminam e ventilam o percurso da água.
Tem o comprimento aproximado de 700 metros com dois metros de altura por um de largura sendo constituído por um túnel de calcário com tecto em rocha.
A Mãe de Água é um edificação com uma profundidade de 20 metros, situada em plena serra de Carnaxide a quase 300 metros da principal nascente e onde termina o túnel que conduz a água até ao chafariz.
No seu interior possui um tanque circular em lioz que funciona como reservatório e filtro.
O Chafariz localizado na Rua 5 de Outubro ostenta um brasão real com inscrição em latim, onde se pode ler:

" O Fidelíssimo Rei José I
Mandou para utilidade deste povo
Correr livre esta água
No ano do Senhor de 1766"


Nas traseiras do chafariz original foi edificado um fontanário (esse já com água da rede publica) revestido a azulejo datado de 1952.

O Aqueduto de Carnaxide está classificado como Monumento de Valor Local desde 1991."


in Carnaxide Digital

6 comentários:

h.batista disse...

É bom juntar o conhecimento e a diversão, penso que a escolha da visita é excelente, os nossos filhos devem aprender a dar valor à terra onde vivem e acima de tudo a dar valor à água, que mais do que tudo o resto, é "O Bem" a preservar.
Mais uma vez parabéns.

Cíntia disse...

A Sara veio encantada!
Só lamentou não ter levado uma lanterna, mas como esteve doente não sabiamos que era necessária...
Parabéns! Até eu fiquei com vontade de ir conhecer este pedaço de história!
:)
Cíntia
(mãe da Sara - Sala verde)

Miguelito disse...

O Gabriel adorou a Aventura... de lanterna na mão pelas entranhas da terra!!!
Parabéns! Mais uma excelente iniciativa, nesta Semana da Terra.
Porque o Futuro constrói-se hoje com o que ensinar-mos aos nossos filhos.

Nuno Domingos
(Pai do Gabriel Domingos)
Sala Amarela

Anónimo disse...

Quando a fui buscar, a Raquel começou logo a fazer perguntas. Adorou!
Aproveito para deixar uma palavra de apreço ao benemerente João Figueiredo, a pessoa responsável por termos um aqueduto conservado e passível de ser visitado, graças à sua dedicação e altruísmo.
Rui Araújo Pereira

Manuel João Osório disse...

A Matilde veio para casa e disse que viu o túnel da água que o Rei José fez para a filha dele. Delicioso :)

Margarida Figueiredo disse...

Um grande obrigado ao Sr. João Figueiredo, que tornou possível esta visita, e, a transformou numa visita tão interessante e proveitosa, com os seus conhecimentos aprofundados sobre a história de Carnaxide.